Folha cria o “lulômetro da violência”

Você lembra do Lulômetro? Era aquele índice inventado pelo banco Goldman Sachs que dizia que o Brasil acabaria no dia seguinte à posse do Nove-Dedos m 2002 e que fez o banco ganhar horrores com a especulação do dólar, que chegou a R$ 4,00 às vésperas daquela eleição presidencial. Pois a Folha adaptou a ideia e criou o “protestômetro” (aqui), cuja ideia clara é incentivar os protestos contra o governo antes, durante e depois da Copa, a fim de ajudar os seus candidatos Aécio Neves (este até colunista do jornal) e Dudu Campos, por meio da disseminação da violência.

Parece irresponsabilidade e é mesmo.

Anúncios

Um comentário sobre “Folha cria o “lulômetro da violência”

  1. Pingback: Top ten do golpismo mafiomidiático | Ficha Corrida

Os comentários estão desativados.