Para manter o moral dos meninos e das meninas

Agora que as manifestações descambaram de vez para para o banditismo (previsível, leia o sétimo parágrafo do post “Como continuar pedalando”, por favor), meu objetivo político estratégico (é, MPL,como sujeito antigo que sou tenho um) é impedir que os meus amigos e amigas mais jovens se sintam desesperançados e, se possível, ajudá-los a ficar menos confusos.

Assim, aqui vão uma bibliografia básica e uma pequena playlist (talvez você note um certo viés em ambos, mas o que não tem viés nesse mundo, não é mesmo?):

Livros:

1. O Capital, livro 1 (ler os outros dois seria legal, mas eles são bem chatos, ao contrário deste, escrito pelo próprio Tio Karl – os outros foram terminados por Engels seguindo notas do amigo – é fácil de ler (Marx escrevia bem, até por ser coleguinha) e apresenta todos os conceitos básicos.

2. Concepção dialética da História (Antonio Gramsci)

3. Maquiavel, Política e Estado Nacional (idem).

4. Os intelectuais e a organização da cultura (ibidem).

5. Esquerdismo, a doença infantil do Comunismo (Vladimir Illitch Ulianov, vulgo camarada Lênin)

6. Duas táticas da social-democracia na revolução democrática (idem).

7. O que fazer? (ibidem).

8. As origens do totalitarismo (Hannah Arendt).

Aconselho ler primeiro O Capital. Os outros podem ser em qualquer ordem.

Agora, a playlist

1. El pueblo unido jamás será vencido (Inti-Ilimani, quem mais?)

2.  Hino da Unidade Popular (não, a música 1 não era o hino. Era esse, com Quilapayún e a Orquesta Sinfônica Popular)

3. Bandiera Rossa (Está creditado à italiana Banda Bassoti, mas é da croata KUD Idijoti, com direito a pequena citação de uma música esquecida de uma bandinha inglesa desconhecida…  Para os avessos ao som pesado, uma versão bem tradicional, mas com fotos legais).

4. Bella Ciao (com Mercedes Sosa, não faço por menos).

5. Hasta Siempre, Commandante (com Buena Vista Social Club. Ué…Os velhinhos são todos comunas. Achava o quê?)

6. Walls Come Tumbling Down (É o seguinte: sou fã do Paul Weller. Pronto, falei).

7. Clube da Esquina 2 (Com Nana. Acho que essa é mais para mim mesmo…)

Anúncios

4 comentários sobre “Para manter o moral dos meninos e das meninas

Os comentários estão desativados.