Falando em (e de) guerra e terrorismo…

Estava eu comendo meus caquis (a Flor dos Ponte Preta comia goiabinhas, mas, além de não ser o tempo destas, prefiro caquis e peras) quando um rapaz chamado Rogério Floripa postou uma mensagem num artigo que escrevi sobre o documentário “Central Al Jazeera”, exibido no Festival do Rio (onde mais?), em 2004, o qual esquecera havia anos.

No post, ele indicava de onde baixar o filme. Foi o que fiz. Estou revendo “Control room” (o nome no original”), de Jehane Noujaim, e, em tempos de novo atentado nos EUA, com suas consequentes paranoias, está sendo bem interessante. Se você quiser ver – ou rever, embora eu duvide que tenha visto, já que o doc só foi exibido uma vez, no recém-inaugurado (na época) Centro Cultural da Justiça Federal, na Cinelândia – aqui vão algumas dicas:

1. O endereço: http://mcaf.ee/uli3v;

2. Há várias escorregadas nas legendas, mas nada que atrapalhe;

3. A minha crítica está aqui (no falecido, ou agonizante pelo menos, Mulitply) e dá para ver um erro meu (ou uma alteração nas legendas) – os nomes dos principais personagens aparecem da primeira vez em que são entrevistados, ao contrário do que eu notara na época.