Vai-se um grande sujeito

Riomar Trindade morreu esta madrugada, em seu apartamento em Copa. Especializado em jornalismo econômico. foi meu chefe na sucursal da Folha, em meados dos anos 80 e me ensinou mais coisas sobre jornalismo do que sou capaz de lembrar. Um grande jornalista e uma pessoa ainda maior. o velório começa amanhã, às 10h, na Capela 7 do São João Batista. O enterro será às 16h.

Vai na paz, gaúcho!

Anúncios