Perplexidade – 1

Um irmão tricolor, profissional do mercado financeiro, está perplexo:

“Precisou um helicóptero cair e matar os sete passageiros e piloto pra gente ficar sabendo, 4 dias depois do acidente, que o governador do Rio viajou no avião do EikeSempreEleBatista (como diriam os paulistas, chupa Ancelmo) para passar o fim de semana num resort na Bahia, de um famoso blackista, que já esteve até mesmo foragido do país e que o filho dele namorava a filha do dono de uma construtora inexistente 10 anos atrás e que hoje é a maior beneficiária das licitações do Estado do Rio.

É implicância minha ou tá faltando curiosidade aos jornalistas de hoje em dia? Não teve nenhum foca caçando essas conexões antes? O namoro era secreto? O casal nunca teve amigos, foi a festas, esbarrou com o filho de um amigo do amigo da tia?”

Anúncios

Um comentário sobre “Perplexidade – 1

  1. E dias depois sai uma nota seca no Ancelmo informando o divorcio do governador.

Os comentários estão desativados.